terça-feira, 26 de abril de 2016

Projeto Rapunzel #5: Progressiva

Olá amoras, tudo bom?
No post de hoje venho esclarecer algumas duvidas frequentes sobre a progressiva.. Quem pode usar, quais os procedimentos, se quebra o cabelo, se acelera o crescimento e vários outros tópicos que pode te ajudar muito antes de partir para o processo de fazer a progressiva!
Eu nunca fiz a progressiva com formol por ter o cabelo fino e com luzes.. Sei que duas químicas no meu cabelo não seria bem vinda e aceita pelos meus fios..
Decide fazer este post porque farei uma progressiva este mes sem formol e em casa!! Isso mesmo..Sempre fiz em casa e confiei nesta marca, até porque como já falei aqui algumas vezes minha mãe já teve salão, então a maioria das coisas nos ariscamos e dá certo. Porém se seu cabelo já apresenta algum tipo de problema indico que voce procure um profissional da área.
A progressiva que eu uso é a de leite de argan da marca Inoar.






Enfim.. Vamos as dicas e curiosidades! =)


O procedimento é indicado para qualquer tipo de cabelo? 
Não. Ela é indicada para cabelos crespos e volumosos, mas é desaconselhável para cabelos afro, que tem fios porosos. O que costuma acontecer é que, geralmente, o cabelo crespo (bem espiral) tem um número menor de cutículas (escamas) e o produto acaba fixando menos. Quando o procedimento de selagem é feito nesse cabelo afro, os fios ficam mais grossos. Além disso, o procedimento é vetado para as crianças. O Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) proíbe a aplicação de produtos químicos em crianças. Mas, mesmo assim, alguns profissionais aceitam fazer progressiva em crianças, apesar de saberem o risco do procedimento e as mudanças pelas quais a estrutura capilar de uma criança passa.

Cabelos danificados podem fazer progressiva?
O mais importante é fazer uma análise dos fios com um profissional especializado. Se os fios estiverem fragilizados e quebradiços, é importante recuperá-los antes de agredi-los novamente com mais química. O procedimento mais aconselhável é a hidratação. Nesse caso, as cauterizações devem ser evitadas, pois geralmente elas têm um creme reestruturador muito forte que acaba deixando o fio selado e brilhante, mas não hidratado.

As mulheres que já tem algum tipo de química no cabelo pode fazer progressiva? 
Depende. Nos cabelos tingidos ou com mechas, pode-se fazer a progressiva. Dependendo do caso a tintura e a progressiva podem ser realizadas no mesmo dia, mas tem que ter o aval de um profissional qualificado. Além disso, os cabelos que passaram por um procedimento recente de relaxamento, devem esperar uma semana, no mínimo, até o cabelo estar preparado para um novo procedimento capilar. 

Cabelos virgens não se beneficiam tanto quanto os quimicamente tratados?
É verdade. O cabelo "virgem" não tem um bom resultado com a progressiva. Geralmente, os cabelos sem química têm fibras de queratina em perfeito estado, sem fissuras ou aberturas. Então, o produto da progressiva tem uma maior dificuldade de penetrar no fio e fazer efeito.Para atingir o resultado esperado, alguns profissionais realizam algum procedimento químico, como uma tintura ou um relaxamento, antes de fazer a escova progressiva.  

Qual o limite certo para o formol?
O limite máximo permitido nas fórmulas dos produtos é de 0,2 %. O formol pode acelerar a queda de cabelo, causar coceiras, descamação do couro cabeludo e problemas respiratórios. Sem contar a estrutura do cabelo, que sofre muito mais danos, com os fios ficando sem flexibilidade e se partindo. Quando isso acontece, o aspecto é de muito fios mais curtos em torno da cabeça, ao lado das têmporas, como se fossem fios novos, mas que são, na verdade, o cabelo que foi danificado pelo excesso de química.

Se realizada de maneira correta a progressiva hidrata e dá brilho aos fios?
Não, esta não é a finalidade do procedimento. Alguns fabricantes desenvolveram fórmulas que reúnem alisantes mais um creme reconstrutor. O processo em que o creme alisante é misturado com um poderoso hidratante, geralmente a queratina, é o de selagem. Estes produtos dão a impressão que o cabelo está hidratado por causa do brilho que deixam nos fios. Mas brilho não é sinal de cabelo hidratado.

O teste de mecha deve ser feito antes do processo?
Sim. Cada caso é um caso. Não é todo cabelo que se pode fazer a escova progressiva. Por isso, é fundamental um teste de mecha para verificar a resistência do cabelo àquele produto químico. 

Quais os processos para fazer a progressiva durar mais?
Os cuidados básicos envolvem evitar prender ou colocar grampos logo após fazer a progressiva, pois o cabelo ainda está muito sensível e não torcer o cabelo para não ficar marcado. Além disso, é muito importante realizar hidratações no salão para recuperar os fios depois do procedimento químico. Dependendo do fabricante do produto, é preciso ficar um, dois ou três dias sem lavar os fios. Também têm aquelas que exigem que fique três dias antes e três dias depois sem lavar para que o produto tenha uma ação melhor. Tudo isso deve ser orientado pelo profissional que vai realizar o procedimento. 

São várias as duvidas na hora de fazer o alisamento, porem todos que já vi de perto foi de grande sucesso pessoal e não houve quebra ou queda.. É claro que cada cabelo é um caso.. Por isso exija o teste de mecha antes.
Espero ter ajudado um pouquinho meninas, um super beijo e até a próxima! 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Criado por: Mariely Abreu | Todos os direitos reservados ©. voltar ao topo